Os Sons da Ciência

O Dia Aberto do Instituto Gulbenkian de Ciência tem o prazer de acolher a ante-estreia da peça “Quatuor pour l’Aurore des Temps”, composta por Camille Van Lunen durante o período em que esteve como artista residente no IGC. Inspirada pela ciência feita no instituto, Camille Van Lunen compôs uma peça com três movimentos, abordando musicalmente o processo de divisão celular – a mitose -, a formação de cristais de proteínas e o ataque perpetuado por um vírus a uma célula.

A execução da obra está a cargo de quatro músicos da Gulbenkian Música: a violinista Ana Manzanilla, o violoncelista Jeremy Lake, a clarinetista Esther Georgie e o pianista Michel Gal.

Horário: 15h | 16h30

Idades-alvo: todas

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s